Advocacia: reclamar ou trabalhar?

Nos últimos tempos, a Advocacia tem sido incessantemente testada. No caso da Advocacia Criminal, é difícil avaliar se, em algum outro período da história brasileira, ocorreram tantos ataques realizados pelas autoridades públicas e pela mídia (leia aqui). Trata-se de uma verdadeira criminalização da Advocacia. Há um desrespeito sistemático ao trabalho dos Advogados. O excesso de[…]

A inveja no mundo jurídico

Recentemente, ouvi uma estudante de Direito narrar que havia sido indagada por um colega sobre “o que estava fazendo” para obter estágio e ter bons contatos, sugerindo, de forma implícita, que havia feito algo imoral. Como já disse em outra oportunidade, no mundo jurídico, você sempre será criticado (clique aqui). E a inveja é um[…]

As 3 habilidades que o profissional do Direito precisa desenvolver

Uma das perguntas que mais ouço de estudantes é “como devo me preparar para a carreira?”. Após indicar algumas leituras, sempre tento demonstrar, por meio de experiências que vivenciei, quais habilidades devem ser desenvolvidas para uma boa evolução na carreira (pública ou privada). Neste texto, apresentarei 3 habilidades que considero fundamentais. Evidentemente, não desconsidero várias[…]

A jornada de um Advogado Criminalista

Escrevo este texto influenciado pelo recente lançamento do meu novo livro, “A jornada de um advogado criminalista” (veja o livro aqui). No livro, tento estabelecer um parâmetro entre as várias fases de um Advogado Criminalista, do início – ainda na faculdade – até o auge da carreira criminal privada, que considero ser o exercício da[…]

3 erros que marcam a carreira de um profissional do Direito

O mercado jurídico é extremamente concorrido. Para não permanecerem fora do mercado, os profissionais precisam acertar mais do que errar. Alguns erros destroem carreiras imediatamente, outros erros, quando cometidos de forma reiterada, geram um paulatino esfacelamento. Neste texto, não pretendo exaurir os erros que marcam a carreira de um profissional do Direito. Abordarei apenas três[…]